banner 2 globo esporte (branco).png
banner 1 globo esporte (branco).png

Finta #5: os campeões e a retomada

Mais taças conquistadas enquanto a pandemia assola o país; e na Europa, voltam os continentais.


O NesF curtiu tentar "prever o futuro" com você por um tempo. Só que a melhor fase da brincadeira foi olhar um pouco para o passado recente e tentar diagnosticar os cenários para os jogos que viriam pela frente. Mais do que um "tabelão", a montagem de um mosaico da semana no futebol brasileiro e mundial, com aquela puxada de sardinha para o futebol paraense, sempre que possível. Foi neste espírito que o quadro nasceu (e já foi até ampliado). Aqui, você pode dar uma finta na cobertura diária e repetitiva, em busca de um cenário mais amplo, além dos resultados, baseado principalmente em números, detalhes importantes fora de campo e um pouco daquelas bizarrices que só o futebol proporciona. Então vem tentar fazer sentido dessas idas e vindas, na gangorra infinita que é o esporte. Abaixo, os destaques do NesF para a última semana, de 30 de julho a 5 de agosto de 2020:


O Furacão venceu na casa do Coxa e chegou ao tri paranaense consecutivo. (Reprodução/Twitter CAP)


Títulos e finais (ou não)

CRB volta a ser campeão alagoano em final dramática, enquanto Ceará foi bi do Nordestão, ataque fulminante diante de um Bahia que sofre na maratona e joga mal. No Maranhão, tradicional MAC é rebaixado para a Segundona estadual, como em 2014. Um surto de Covid-19 no elenco do Uberlândia, antes da final do Troféu Inconfidência, com o Cruzeiro, fez o time celeste abdicar. E o Salgueiro... Primeiro campeão pernambucano do interior! Após 75 anos, um time fora os gigantes leva a taça.


Quem precisa de calendário?

Não parece haver datas para a final do Catarinense, entre Brusque (de volta à decisão após 28 anos) e Chapecoense (na quinta final seguida). O Avaí, eliminado, demitiu Rodrigo Santana e recontratou Geninho, pensando na Série B. A CBF adia partidas do Brasileiro para finalizar os estaduais, o que está longe do ideal. Em países vizinhos, volta vem com críticas, como de Tévez e do elenco de um Independiente em crise. E o Brasileiro abre com insegurança judicial sobre direitos de transmissão...


"Novo normal"

Na Holanda, o Feyenoord decidiu só testar quem tiver sintoma de Covid-19. Diz-se impossível, na Itália, manter por um ano inteiro o protocolo usado para encerrar a temporada. Na Rússia, a maioria dos clubes decidiu que nenhum jogo será remarcado por surtos do vírus em qualquer time. Como já ocorreu, por falta de calendário, as equipes vão jogar com quem puder – mesmo que seja a base. E vários países aprovam manutenção de cinco mudanças, enquanto outros negam; caso da Inglaterra.


Destaques individuais

Iker Casillas se aposenta oficialmente, um de três jogadores a vencer a Copa, a Eurocopa e a Liga dos Campeões como capitão, ao lado de Deschamps e Beckenbauer. Outro alemão, Gerd Müller, seguirá como o último jogador da Bundesliga a levar a Chuteira de Ouro europeia, em 1972, após Immobile, da Lazio, ultrapassar Lewandowski, do Bayern. Enquanto isso, o Liverpool renovava o contrato com Thomas Gronnemark, o melhor técnico de cobrança de lateral no mundo. Sim, existe.


Na quarta-feira (5), em que mais de 57 mil pessoas foram diagnosticadas com Covid-19 no país, o futebol brasileiro coroou mais três campeões estaduais em 2020. Athletico (PR), CRB (AL) e Salgueiro (PE) se juntam ao Flamengo (RJ). No Pará, semifinais definidas; ocorrem ao longo do mês.

A retomada continental

Lesões e desfalques assolam a Liga dos Campeões, como Agüero, Dybala e Mbappé. Há dúvida em relação a Ter Stegen e o Barça segue desfalcado para pegar o Napoli. Alguns dos jogos que ocorrem nos estádios originais têm permissão especial, por conta de fronteiras fechadas... Quanto ao vírus, o Sevilla, na Liga Europa, teve caso positivo, como o Real Madrid, que pega o Manchester City sem o capitão Sergio Ramos. A equipe perdeu cinco dos últimos sete jogos de mata-mata da Champions sem ele.


Rebaixados ou não?

A situação na Espanha segue rendendo, inclusive, pois o Zaragoza perdeu o atacante Suárez para os playoffs de acesso à elite. O Watford não aceitou ampliar o empréstimo e o time – que foi terceiro, o melhor colocado entre os participantes – quer o cancelamento dos playoffs. O jogo adiado entre La Coruña e Fuenlabrada deve ocorrer, com o time do Deportivo voltando de férias; Elche pode perder a vaga. E na elite, o rebaixado Espanyol aproveita o cenário e pede para não haver queda alguma.


Haja decisão fora de campo...

Desportivo Aves e Vitória de Setúbal, por descumprimento de regras financeiras, foram rebaixados diretamente à Terceirona de Portugal. Com isso, salvam-se o Portimonense, na elite, tal como duas outras equipes da Segundona. A partir da próxima temporada, o campeonato deve ter playoff contra a queda. Na Romênia, a liga foi ampliada e o rebaixamento cancelado justo para salvar o tradicional Dinamo Bucareste. O repaginado Steaua tenta voltar à elite, em história a ser contada aqui no NesF.


Rapidíssimas: campeões pelo mundo

Persepolis no Irã, Sydney na Austrália, Juventus na Itália, Belouizdad na Argélia, Cluj na Romênia, Young Boys na Suíça e muitas copas: Cracovia na Copa da Polônia, PSG na Copa da Liga Francesa e na Copa da França, Zenit na Copa da Rússia, Arsenal na Copa da Inglaterra, Trabzonspor na Copa da Turquia, Porto na Taça de Portugal, Gotemburgo na Copa da Suécia, Rijeka na Copa da Croácia, Glentoran na Copa da Irlanda, Inter na Copa de Andorra. Ufa... Ah, o Escocês de 2020/21 já iniciou.


 

#Brasil #Mundo #Análise


#Curiosidades #Dicas #Curtinhas #CRB #Ceará #CampeonatoAlagoano #CopadoNordeste #CampeonatoMaranhense #CampeonatoMineiro #CampeonatoPernambucano #Salgueiro #CampeonatoCatarinense #AthleticoPR #CampeonatoParanaense #CampeonatoBrasileiro #FutebolEuropeu #LigadosCampeões #LigaEuropa #Coronavírus #Covid19 #Pandemia #CampeoantoEspanhol #Rebaixamentos #CampeonatoPortuguês #Justiça #JustiçaDesportiva #Casillas #Immobile #Recordes #Campeões